Notícias

 

 

Craques do futebol participam do Jogo Contra a Pobreza com Ronaldo e Zidane

Mais de 50 mil adeptos compareceram ao evento do PNUD e as receitas serão para projectos de inclusão social de jovens no Brasil e em Cabo Verde.

 

Nações Unidas, Praia, 21 de Dezembro de 2012 - Mais de 50 mil fãs de futebol, compareceram ao estádio do Grémio, em Porto Alegre, Brasil, para assistir ao decimo jogo Contra a Pobreza, promovido pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento/PNUD, numa partida onde participaram as equipas de Zidane e Ronaldo, e cujo resultado fixou-se em 3-2 para os amigos de Ronaldo .

O Embaixador de Boa Vontade do PNUD e lenda o futebol Ronaldo - que estava sofrendo de ferimentos nas pernas - manteve a sua promessa de jogar apesar da dor. "Jogar esta partida é muito importante para mim. Mesmo com dor, eu faria isto até minhas pernas caírem", disse o atacante.

A equipa de Ronaldo, repleta de estrelas, marcou o último tento da partida, com um gol de Damião.

>A lenda do futebol Zidane, que também é embaixador da Boa Vontade do PNUD, marcou o segundo golo de sua equipa. "Jogar no Brasil, país que é o coração do futebol, e me reencontrar-me com meu amigo Ronaldo já foi uma emoção. Mas devemos sempre nos lembrar que nosso objetivo é promover a conscientização de todos sobre a luta contra a pobreza".

"Ter Ronaldo, Zidane e todas essas estrelas mobilizados na luta contra esta injustiça é admirável", disse Rebeca Grynspan, subsecretária-geral da ONU e vice- directora do PNUD, que representou a Organização no evento. "Esse décimo Jogo é especial. Ele mostra como a luta contra a pobreza é importante e também reconhece os esforços do Brasil na redução da pobreza e seu papel como ator emergente no desenvolvimento global."

O montante  arrecado no jogo será divido entre dois projetos de inclusão social de jovens – um no Brasil e outro em Cabo Verde.  Além da venda de ingressos, patrocínios e direitos de transmissão, a renda total incluirá doações feitas através de uma conta corrente administrada pelo PNUD aberta especialmente para a partida.

O amistoso busca lembrar que todos são responsáveis por garantir o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento do Milénio (ODM), adotados em 2000 e reafirmados pelos líderes de 191 países, na Cúpula das Nações Unidas, em 2005. Os objetivos buscam, entre outras coisas, reduzir, pela metade, a pobreza mundial até 2015, definindo metas para reverter a fome, doenças, o analfabetismo, a degradação ambiental e a discriminação contra as mulheres.

O evento anual - mais uma vez transmitido para vários países do mundo - é apoiado pela Federação Internacional de Futebol (FIFA), que rege o desporto, e pela União das Associações Europeias de Futebol (UEFA).

O jogo em Porto Alegre é a sequência de nove edições bem sucedidas realizadas na Basileia, em Madrid, Dusseldorf, Marselha, Málaga, Fez, Lisboa, Atenas e Hamburgo. A cada ano, os recursos arrecadados são usados para financiar projetos sociais apoiados pelo PNUD no mundo todo.


 

Share |