Notícias

 

10 Outubro – Dia Mundial da Saúde Mental

Nações Unidas, Praia, 11 de Outubro - O Dia Mundial da Saúde Mental comemorou-se em Cabo Verde com o lema "O grande impulso: investir na Saúde Mental", através de um Fórum organizado pela Associação de Promoção da Saúde Mental A Ponte, em parceria com a Organização Mundial da Saúde (OMS) e o Ministério da Saúde.

A sessão de abertura foi presidida pela Ministra Adjunta e da Saúde, Cristina Fontes Lima, quem manifestou o seu compromisso para a acção e reforço da atenção primária da saúde mental com o intuito destes centros trabalharem com as comunidades. Anunciou também a projecção, até final deste ano, de dois grandes seminários para formação e capacitação dos profissionais da saúde, com vista à acção e à implementação do Plano estratégico de saúde mental em Cabo Verde.

Pelo seu lado, o Representante da OMS em Cabo Verde, Andryamahefazafy Barrysson, destacou que a saúde mental é o fundamento do bem estar do indivíduo e do bom funcionamenmto da sociedade. "Em algum momento das nossas vidas 1 em cada 4 pessoas será atingida por um problema de saúde mental, e 4 em cada 5 pessoas com problemas de saúde mental nos países em desenvolvimento não recebem tratamento", alertou.

O Presidente do Conselho Directivo da A Ponte, Daniel Silves Ferreira, agradeceu as parcerias estabelecidas para realização deste Fórum, como espaço de reflexão, análise e propostas para a tomada de decisões, e defendeu a necessidade de investir na saúde mental para garantir os recursos na luta contra as doenças mentais. Referindo-se ao Relatório da Saúde do Mundo de 2011, consagrado à Saúde Mental, realçou que "é tempo de descobrir o peso dos trastornos mentais para promover a saúde mental, aliviar o peso e evitar mortes devidas aos transtornos mentais".

Assim mesmo, no início do Fórum, que coincide com o 11º aniversário da A Ponte, foram assinados Protocolos de Parceria entre a Associação e o Ministério da Saúde e a Universidade de Cabo Verde. A ocasião serviu também para apresentação pública da 2ª edição da brochura de sensibilização "Álcool, alcoolismo e alcoolização".

Seguidamente teve lugar uma Conferência intitulada "Promoção da Saúde: Nova visão e operacionalização do conceito", apresentada pelo Director do Centro Nacional de Desenvolvimento Sanitário (CNDS), Artur Correia, quem fez uma restrospectiva histórica da saúde mental em Cabo Verde. Durante o seu discurso, referiu-se aos documentos da OMS que caracterizam as iniciativas de promoção da saúde de acordo com os princípios da concepção holística, intersectorialidade, empoderamento, participação social, equidade, acções multi-estratégicas e sustentabilidade. "A meta na promoção da Saúde Mental é assegurar a qualidade de vida e os seus prinicípios norteadores são a equidade, paz e justiça social" concluiu.

O Fórum consistiu ainda em mais dois paineis com vários oradaores e debate na plateia, sobre os temas "Investir na saúde mental: uma visão holística da saúde" e " Integrar a saúde mental nos cuidados primários: um impulso quailitativo na prestação dos cuidados de saúde".

Share |