Notícias

 

ONU Mulheres e UNFPA apoiam a realização do Inquérito Uso do Tem

 

Nações Unidas, Praia, 7 de Junho de 2013 - O Instituto Nacional de Estatística (INE) apresentou hoje, 07 de Junho, os resultados do Inquérito Uso do Tempo, que revelou que as mulheres dedicam mais tempo a fazer o trabalho não remunerado do que os homens.

Os dados do inquérito mostram que as mulheres dispensam uma média semanal de 18h21min em trabalhos não remunerados e os homens 05h29min, que apesar do seu peso no quotidiano das mulheres essa trabalho não remunerado é "invisível" à economia nacional, segundo o técnico coordenador do referido inquérito, Carlos Mendes, que caracteriza essa "invisibilidade" às actividades destinadas à produção de bem-estar e à reprodução de vida nas áreas económicas, sociais, políticas, entre outros (preparação de alimentos, limpeza de arredor do alojamento, criação de animais, recolha de cultivos, pesca e caça, cuidados de crianças, limpeza de roupas ou calçados, compras, construções e reparações).

Realizado no último trimestre de 2012, o Inquérito Uso do Tempo (um dos módulos do Sistema Integrado do Inquérito Multi-objectivo Contínuo (SIMC), resulta de uma parceria entre o INE e o Instituto Cabo-verdiano para a Igualdade e Equidade de Género (ICIEG), a ONU Mulheres e UNFPA.

Ressalte-se que, segundo o INE  Este tipo de inquéritos são inovadores e fundamentais para dar visibilidade à divisão sexual no trabalho, nas famílias e sociedade, dar visibilidade à contribuição das famílias para garantir o bem-estar social e especialmente para o reconhecimento da contribuição das mulheres para a vida económica do país. Para além disso, constituem também uma base fundamental para a formulação de políticas e programas de desenvolvimento que integrem uma abordagem de género. De igual modo permite obter indicadores sensíveis ao género que são indispensáveis para medir as mudanças nas relações de género a nível da sociedade ao longo do tempo.

Ao acto de apresentação assistiram a Ministra-adjunta e da Saúde, Dra. Cristina Fontes Lima, a Coordenadora Residente do Sistema das Nações Unidas em Cabo Verde, Sra. Ulrika Richardson-Golinski, a Directora Regional da ONU Mulheres, representantes do corpo diplomático, bem como representantes de várias instituições públicas e privadas.

(Foto: INE)


Share |