Notícias

 

UNFPA e UNICEF apoiam a realização Censo Escolar 2012

 

Nações Unidas, Praia, 9 de Maio de 2012 - Com a parceria técnica e financeira do Fundos das Nações para a População (UNFPA) e do Fundo das Nações Unidas para a Infância UNICEF, o Ministério da Educação e Desporto realiza, em todo o território nacional o Recenseamento da Educação - Censo Escolar 2012.

Este Censo, que constitui o primeiro do género realizado em  Cabo Verde, irá permitir acompanhar e avaliar o desenvolvimento dos sistemas de ensino em todo o país, para além de aportar elementos essenciais para a realização de análises e estudos comprados subsidiando a definição e formulação de políticas públicas e distribuição de recursos em matéria de educação.

Neste Censo Escolar, realizado a nível nacional, com aplicação de inquéritos nos estabelecimentos do ensino pré-escolar, Básico e Secundário, serão colectados dados educacionais tanto a nível das infra-estruturas escolares como do pessoal docente e discente, as matriculas, os rendimentos e movimento escolar, por nível, modalidade de ensino entre outros.

No acto de lançamento, que decorreu esta manhã no auditório da Escola Secundária Manuel Lopes, em Calabaceira - Praia, a Representante do UNFPA e do UNICEF, Senhora Petra Lantz, afirmou que as Nações Unidas consideram a Educação um direito humano fundamental e que Toda criança tem esse direito, argumentando ao mesmo que ela é fundamental para o desenvolvimento dos indivíduos e das sociedades, e é o alicerce para um futuro bem sucedido e produtivo. "Quando podemos garantir que as crianças tenham acesso a uma educação baseada em direitos,  qualidade e equidade, criamos um efeito cascata, de oportunidades com impactos não apenas nessa geração, mas também nas gerações vindouras. Educação melhora as condições de vida, termina com ciclos geracionais de pobreza e doença e fornece uma base para o desenvolvimento sustentável" . As Nações Unidas, através das suas agencias como o Unicef e o UNFPA trabalham no sentido de fazer com que cada criança tenha acesso a uma educação de qualidade.

De acordo com a Senhora Lantz, os dados têm demonstrado que Cabo Verde tem tido um desempenho considerável e reconhecido em termos sociais em comparação com países da região Oeste Africano a que pertence. Os indicadores dos Objectivos de Desenvolvimento do Milénio para a educação, nomeadamente no que tange ao acesso e a paridade entre meninas e meninos no ensino primário,  já foram atingidos. Esse avanço, sublina a Representante, coloca o país perante um outro cenário, o de garantir a qualidade para todos.

A realização desta pesquisa irá permitir ainda ter uma "radiografia" do sistema educativo em Cabo Verde, o que facilitará a elaboração da Carta Educativa e alimentar a base de dados.

Ainda esta manhã foi feita uma simulação em tempo real do preenchimento do inquérito, realizada pela Ministra da Educação e Desporto, Dra. Fernanda Marques, pela Representante o UNFPA e UNICEF, Senhora Petra Lantz e pelo Presidente do INE, Dr. Antonio Duarte.

Os inquéritos terão o seu início, no dia 14 de Maio, a nível da ilha de Santiago, e nas restantes ilhas, no dia 16 do mês em curso.

Para além do UNFPA, UNICEF e do Ministério da Educação e Desporto, esta iniciativa conta com a parceria com o Instituto Nacional de Estatística (INE).

A cerimónia foi presidida pela Ministra da Educação, Dr. Fernanda Marques, contando ainda com as presenças da Representante do UNFPA e UNICEF, Senhora Petra Lantz,  do Presidente do INE, Dr. António Duarte e do Director Geral do Planeamento Orçamento e Gestão do Ministério da Educação, Dr. Pedro Moreno Brito para além de outros responsáveis desse Ministério.

 

 

Share |