Notícias

 

1- 7 de Agosto de 2011: Semana Mundial de Aleitamento Materno

Nações Unidas, Praia, 1 de Agosto de 2011 - A Semana Mundial de Aleitamento Materno, que decorre de 1 a 7 de Agosto, é celebrada este ano, em mais de 170 países sob o lema "A Amamentação uma experiência 3D", com o qual se pretende enfatizar a importância da comunicação e o facto de se falar ou partilhar experiências e informações constituir uma das formas de proteger, promover e apoiar o aleitamento materno.

O aleitamento materno exclusivo tem sido reconhecido como uma das intervenções mais eficazes para reduzir a mortalidade das crianças menores de cinco anos. De acordo com a OMS, a prática de aleitamento materno ideal - incluindo o início precoce, o aleitamento exclusivo até aos seis meses e o aleitamento continuado, mesmo após a introdução de alimentos complementares seguro e apropriado, pode reduzir a mortalidade das crianças dos 0 aos 5 anos. Ainda segundo a OMS o leite materno promove o desenvolvimento sensorial e cognitivo, além de proteger o bébé de doenças infecciosas e crónicas. O aleitamento materno ajuda igualmente a estabelecer uma realção íntima e amorosa entre a mãe e a criança, cujas consequências positivas já são bastante conhecidas.

Por essas razões a OMS e UNICEF recomendam iniciar o aleitamento desde a primeira hora de vida, praticá-lo de forma exclusiva, sem outros alimentos ou bebidas, nem sequer água até aos seis meses.

Porquê os 3D, como lema deste ano? Ao se buscar apoios para o aleitamento materno tende-se a olhar apenas duas dimensões: tempo (antes da gravidez até o desmame) e local (casa, comunidade, sistema de saúde etc). Porém, nada disso tem muito impacto sem uma TERCEIRA dimensão, que é a comunicação. Esta é considerada actualmente a parte essencial para promoção, protecção e apoio à amamentação. A campanha deste ano põe tónica na partilha de experiências, troca de informações através de todos os canais de comunicação disponíveis, desde os mais tradicionais aos mais modernos.

Actualmente, segundo a OMS, a nível mundial, pouco mais de 40% das crianças com menos de seis meses de idade são amamentadas exclusivamente. Por isso, torna-se cada vez mais urgente reforçar as iniciativas em matéria de comunicação e advocacia, a todos os níveis para aumentar essa percentagem e assim contribuir para a redução da mortalidade infantil.

Para mais informações sobre a Semana Mundial do Aleitamento Materno visite http://worldbreastfeedingweek.org/

Share |